acreditar-em-si.jpg

Conheça também nossas páginas sobre:

Contato


Economia Criativa

Moda Social

Pequena Empresa

Perguntas sobre Vendas

Pelas trilhas da Venda

Criatividade e Liderança

Empreendedorismo Social

Ação Social

Trabalho Voluntário

Blog

Agenda

Calma

Sabe de uma coisa?

Sempre me gabei de ser elétrico,

de correr, sempre desarvorado,

de empilhar meus compromissos,

de nunca parar e me olhar nos olhos.


Agora , não quero mais correr,

quero me deitar, aprender a andar.

Respirar calmamente meu ar,

sem correria, aprender a serenar,

Olhar distraído e só caminhar.


Ter tempo de sobra, poder parar,

Ficar bobo vendo a hora chegar,

deixar a vida passar sem penas.

Ordenar um a um os pensamentos,

enfileirados por ordem de chegada.


Cansei de me sentir cansado,

de estar atrasado e sem tempo.

Dor no peito apertado sem ar,

desejo menino de poder respirar.

Calma e tempo, quero muito sonhar.


A vida foi passando e se gastando,

até chegar meu tempo de despertar.

Tem algo quebrado dentro de mim,

calma, é minha hora de reconstruir,

buscar sentir meu eu, me permitir.


Parece bobo respirar com calma,

parece simples contar até dez.

Ansioso, meu peito opresso dói,

busco o ar entre um e dois, três,...

Dez não chega nunca; calma!


Calma meu coração beija-flor!

Sei que vamos aprender!


Calma! ...

Rogério Alves



113 visualizações1 comentário