Conheça também nossas páginas sobre:

Contato


Economia Criativa

Moda Social

Pequena Empresa

Perguntas sobre Vendas

Pelas trilhas da Venda

Criatividade e Liderança

Empreendedorismo Social

Ação Social

Trabalho Voluntário

Blog

Agenda

Não saia de casa! Informação ou desinformação?

Hoje, como sempre, acordei às 05:40h. Sempre que digo isso, sinto que as pessoas se ressentem... então passei a dizer que levanto, todos os dias, às vinte para as seis da manhã; exceto os dias que vou viajar (02 vezes por mês) quando acordo às 04:30h.

Fui fazer minha caminhada costumeira, passei pelas mesmas pessoas, não senti grandes diferenças no fluxo, só percebi que ao me aproximar de duas escolas que estão no meu percurso, não avistei a movimentação natural, devido a sabida suspensão das aulas.



Retornei à casa e depois de algumas ações cotidianas, voltei a sair às 08 horas em direção ao meu primeiro compromisso profissional do dia. Para isso tive que atravessar a cidade e fui observando: parei na oficina onde meu caro está internado (em estado grave) - segundo o mecânico vai sobreviver… a oficina estava lotada de pacientes como de costume.


Saindo de lá, tive dificuldade de entrar na rodovia (como sempre), ali pude observar que funcionários da prefeitura faziam a capina, o vendedor de rosquinhas e o de panos estavam a postos, os pontos de ônibus cheios, na praça Marcílio Dias trânsito complicado… Ao subir o viaduto pude observar na pista contrária lentidão de veículos e fluxo lento (parado como sempre), tudo me parecendo muito normal.



Ao chegar na empresa onde me esperavam 03 reuniões, pátio cheio, várias pessoas esperando, vigilante atento, fui anunciado e logo encaminhado a minha primeira reunião, assuntos de trabalho, eficiência tradicional, veio a segunda reunião: também dentro da normalidade, após o término desta, juntos fomos para a terceira reunião, agora com a diretoria, mais uma vez após rápidas saudações (à distância) a reunião aconteceu, ainda tive outros assuntos na empresa e me retirei.



Novamente no trânsito tudo me pareceu cotidianamente normal, cheguei a uma segunda empresa, seu estacionamento estava cheio, consequentemente a loja estava cheia de clientes, balconistas agitados. Mais algumas pequenas reuniões, resolvidos os assuntos que me levaram ali, pude me retirar.



Do centro da cidade voltei ao bairro onde moro para mais um atendimento, tudo caminhou normalmente e após umas conversas descontraídas pude finalmente voltar a minha casa para almoçar por volta das 12:10h.



Só omiti que durante todo este tempo (toda a manhã) recebi pelo celular 53 mensagens (contadas), tirando as irritantes 05 mensagens de bom dia (eles não desistem nunca) ainda sobraram 48 mensagens, 42 eram sobre a COVID-19.



Nessas 42 mensagens tinha desde a cura da doença até o fim da humanidade por vingança divina, passando por vários receituários infalíveis, fabricação de álcool gel, banhos com vinagre, correntes de oração mundial, vacina espiritual, preparação de água através de orações, fechamento do comércio, mensagens mediúnicas, falta de gás, suspensão do transporte público, … e a melhor de todas: que tudo isso não passa de uma jogada da China para dominar e monopolizar.


Para os desavisados eles já dominaram, já monopolizaram e tudo pelo trabalho.



Bem, num mundo onde tem pessoas que defendem que a Terra é plana, que Elvis não morreu, que os militares devem retomar o poder, … era de se esperar que transformassem ferramentas maravilhosas de comunicação como o WhatsApp e outras em uma rede de desencontros, desinformação, boatos, irresponsabilidades, sobra de tempo, propagação do pânico e desserviços.


Mas, nem tudo está perdido, recebi do Bruno, um garoto que conheci faz alguns dias, uma mensagem onde ele, por estar afastado do trabalho pelas medidas governamentais, se coloca à disposição de idosos ou de qualquer pessoa que esteja impossibilitada de sair de casa (ou sem tempo por algum motivo sério e relevante) para ir ao mercado, farmácia …

Ele deve ter se espelhado em exemplos vindos da Europa, achei muito legal, exemplos positivos, ações concretas, mãos na Massa, colaborar, …



Fazer algo positivo,envolva-se realmente, viver de verdade, ser útil, acalmar, esclarecer, informar, ajudar.

Sair do mundo irreal...

Vivenciar…

Vida Real!


Rogério Alves.

90 visualizações

Será um prazer fazermos contato!

  • Grey Google+ Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Facebook Icon

Acreditar em si | Palestra motivacional

Rua Rosa Ribeiro, 236, sobrado, Conselheiro Paulino.
Nova Friburgo, Rio de Janeiro. Cep: 28633 450

   Créditos

Agradecimentos aos facilitadores desse site: