Conheça também nossas páginas sobre:

Contato


Economia Criativa

Moda Social

Pequena Empresa

Perguntas sobre Vendas

Pelas trilhas da Venda

Criatividade e Liderança

Empreendedorismo Social

Ação Social

Trabalho Voluntário

Blog

Agenda

Madeira de dar em doido

ou “Deu a louca no jardim de infância!”


Assistindo a mais uma aula do Mestre Ariano Suassuna, ele contou:

No corredor de um hospício, um doido passa pelo outro e o que vinha, mais ao centro, disse ao colega:

-Ei! você não vai bater continência pra mim?

-Como bater continência? Quem você pensa que é?

-Eu sou Napoleão Bonaparte.

-Deixe de besteira rapaz, quem foi que te nomeou Napoleão?

-Foi Jesus Cristo!

E o outro espantado perguntou:

- Euuu?!?!?



Na realidade, é muito assim!

Quando a gente acha que o outro é ou está ficando doido é bom tomar cuidado especial com a nossa própria doideira.


Nestas minhas doidas aventuras de escrever, tenho me deparado com algumas situações inusitadas e engraçadas.


Outro dia, uma pessoa me mandou pelo WhatsApp um texto imenso.

Quando vi, já fiquei assustado e, muito intrigado, fui ler.


Ele começou me enaltecendo e falando de qualidades e valores que até meu orgulho corou. Isso, para logo depois me dizer que eu não deveria falar dele nos meus textos.

Que ele tinha entendido o recado, que isso o tinha deixado muito triste e que esperava não ver isso novamente.


E eu espantado pensei: Euuu?!?!



Faço um estudo diário do Evangelho Segundo o Espiritismo no meu site e, às vezes, nos meus comentários, fico um pouco mais entusiasmado e incisivo no que digo.


E não é que tem gente que se aborrece, acreditando que foi pensando nelas que me inspirei para os comentários?!?



E é muito comum receber respostas e posts no sentido de censura e cobrança.

Agora me digam, tem jeito um negócio desse?


Veja lá se com a dificuldade que tenho para escrever um texto, vou mandar recados nas entrelinhas… Desastrado e impulsivo como sou, quando quero falar mando logo um áudio ou ligo direto pro santo.



É lógico que, aqui muito entre nós, o pessoal tem dado motivos de sobra... O que não falta, de março até hoje, são motivos extremamente inspiradores. Alguns cômicos, outros de entristecer e uma maioria de deixar o sujeito doido.



Tem dias... Não!! Muitas vezes por dia fico muito desconfiado comigo, vejo tanta gente doida que fico em dúvida, são eles ou sou eu?


Por exemplo: tem gente que ainda acredita que as pessoas estão em isolamento social, mesmo indo às rua e vendo-as lotadas, mesmo quando elas próprias retomaram todas as suas atividades, mesmo assistindo os noticiários!!



Tenho ficado atento comigo, tenho até pedido pareceres de algumas pessoas, mas elas mesmas se dizem inaptas a fazer o diagnóstico e me devolvem a pergunta:


E o que você acha de mim?

Será que estou ficando doido?


Diante da incerteza só me resta espanto e dúvidas:

Quem?

Euuu?



Rogério Alves.


"É necessário se espantar, se indignar e se contagiar, só assim é possível mudar a realidade."

Nise da Silveira


75 visualizações

Será um prazer fazermos contato!

  • Grey Google+ Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Facebook Icon

Acreditar em si | Palestra motivacional

Rua Rosa Ribeiro, 236, sobrado, Conselheiro Paulino.
Nova Friburgo, Rio de Janeiro. Cep: 28633 450

   Créditos

Agradecimentos aos facilitadores desse site: